O Boleto Bancário é um método de pagamento em dinheiro disponível no Brasil e regulamentado pela Federação Brasileira de Bancos (“FEBRABAN”). O Boleto possui uma participação de mercado significativa em nosso país. É geralmente é considerado uma opção de pagamento seguro, especialmente para consumidores que não possuem banco ou que não desejam liberar os detalhes do cartão de crédito online. Porém, pode ser necessário protestar um boleto, e esse procedimento demanda o conhecimento de algumas etapas.

Quais as informações para gerar um boleto?

Os consumidores que não possuem uma conta corrente ou poupança ainda podem pagar pelo método de pagamento pelo Boleto. Os consumidores são obrigados a inserir sua data de nascimento, bem como um número válido de 11 dígitos do Cadastro de Pessoas Físicas (“número CPF”), que é um identificador fiscal exclusivo para os residentes no Brasil. As empresas podem inserir um número de Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (número “CNPJ”), que é um identificador fiscal único.

No método de pagamento, o consumidor deverá informar ou já ter um cadastro com as seguintes informações:

Valor de pagamento

Escolha do boleto como pagamento

Endereço e informações de contato

Número do documento CPF ou CNPJ

Data de emissão e validade do boleto

Beneficiário do Boleto

Informações do banco ou instituição financeira que está emitindo o boleto.

Um Boleto Bancário sempre incluirá:

Código de barras: Este campo contém as informações necessárias para permitir a remessa ao comerciante. Usado para a opção de pagamento pessoal.

Campo de identificação: este campo corresponde ao código de barras e contém as informações necessárias para permitir a remessa ao comerciante. Usado para a opção de pagamento online.

Número: Este é um número de identificação que permite a identificação de um Boleto individual. Localizado no canto superior direito da Ficha de Compensação, esse número é inserido de acordo com as regras estabelecidas por cada banco.

Protestar boleto

Entenda o boleto e seu protesto para garantir seus direitos. (Foto: TechTudo)

Cuidados ao gerar um boleto

Como os compradores têm a opção de pagar o boleto em um caixa ou em qualquer lugar que aceite, geralmente há um atraso de alguns dias entre o pedido feito e o pedido pago. Lembre-se de esperar até que o pagamento seja feito para enviar quaisquer bens físicos ou serviços.

Se o valor de uma transação for alterado (uma modificação do pedido), deverá ser emitido um novo Boleto para o valor total da transação. É melhor definir com o comprador as expectativas de que ele pague apenas o comprovante atualizado, não o comprovante original.

O que é protesto de título?

O protesto é a cobrança extrajudicial de cobrança de dívidas. O nome do devedor será registrado em cartório, juntamente com as informações da dívida. O protesto só será cancelado quando o devedor pagar a dívida.

O protesto do título pode ser feito imediatamente após o vencimento da dívida, não do boleto. Isso porque o boleto é uma forma de pagamento, e não um título para ser protestado.

Como protestar um boleto?

O boleto é um meio de pagamento, não uma dívida. A dívida tem outra natureza. Para protestar um boleto, a pessoa ou empresa deve ter as informações da dívida do serviço ou do produto que foi comprado e não foi pago. Com essas informações e a documentação da pessoa que tem a dívida, o protesto poderá ser feito assim que a dívida vencer.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas e iremos responder!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)