Transferência bancária, o que é e como funciona?

Escrito na categoria "Contas em bancos" por André M. Coelho.

Quando você precisar enviar ou receber dinheiro rapidamente, uma transferência bancária pode ser a ferramenta certa para o trabalho. As transferências bancárias são rápidas, confiáveis ​​e geralmente seguras.

E para transações significativas, como a compra de imóveis ou veículos podem ser suas únicas opções porque os fundos estão disponíveis para o destinatário mais ou menos imediatamente.

Vamos aprender mais sobre as transferências bancárias no Brasil.

O que é transferência bancária?

Uma transferência bancária descreve qualquer transferência eletrônica de dinheiro. Normalmente, se alguém pedir uma transferência bancária, eles querem uma transferência entre contas do mesmo banco, TED, DOC, ou PIX. A transferência, no final, independente de qual seja, manda dinheiro de uma conta para outra.

Mas o termo transferência bancária se aplica a outros tipos de transferências. Por exemplo, os consumidores também podem transferir dinheiro para as pessoas no exterior através de transferências internacionais.

Além de bancos, cooperativas de crédito e outras empresas de serviços financeiros podem atuar como provedor de transferência de dinheiro nessas transações. É por isso que é importante esclarecer os requisitos se alguém pedir uma transferência bancária.

Quanto custa uma transferência bancária?

As transferências bancárias entre contas do mesmo banco ou instituição financeira não tem custos.

Transferências TED ou DOC podem ter custos se você não tiver a opção delas no seu pacote de serviços. Elas também tem um custo que varia de acordo com seu tipo de conta bancária e pacote de serviços.

Transferências PIX não tem custos para Pessoas Físicas, apenas pessoas jurídicas pagam pelo uso do PIX.

Transferências bancárias na prática

As transferências bancárias transferem recursos entre contas de forma rápida, prática e segura. (Imagem: Laws101.com)

Quanto tempo demora para transferência bancária cair na conta?

Leva apenas alguns minutos para configurar e iniciar uma transferência bancária. A transferências podem ser processadas no mesmo dia, dependendo de quão cedo você enviar sua solicitação. Transferências internacionais levam um dia extra ou dois.

Como o dinheiro se move rapidamente, o destinatário não precisa esperar vários dias para liberar antes de reivindicar ou usar o dinheiro. Em outras palavras, geralmente não há nenhum controle bancário colocado em dinheiro recebido via transferência bancária.

No entanto, pode levar várias horas para o banco de recebimento para mostrar os recursos na conta do destinatário – mesmo que o dinheiro esteja nesse banco. Um funcionário do banco pode precisar completar algumas tarefas para disponibilizar os fundos.

Geralmente, os prazos são os seguintes:

Segurança de transferência bancária

Para qualquer pessoa que vende mercadorias ou serviços, um fio de dinheiro representa menos risco de fraude do que um cheque porque um remetente já deve ter fundos suficientes em sua conta para iniciar um fio. Em contraste, as verificações podem saltar, e pode levar várias semanas (ou mais) para descobrir que um pagamento foi ruim.

Mesmo assim, existem alguns riscos a considerar e medidas básicas de segurança para levar ao enviar ou receber transferências bancárias.

1. Cuidados ao enviar dinheiro

Os principais riscos com transferências de arame dizem respeito ao envio de fundos. Com uma transferência bancária, o dinheiro vai de um banco para outro, e depois para a conta do destinatário. Cada parte para uma transferência bancária precisa de uma conta bancária. Para abrir uma conta, os regulamentos exigem que os bancos confirmem sua identidade (entre outras coisas) e peça um endereço físico onde você pode ser encontrado.

Essa falta de anonimato limita a capacidade dos ladrões de retirar uma fraude com uma transferência bancária até um grau. No entanto, se você mandar dinheiro para um estranho ou através de um negócio que pague os recursos em dinheiro, e é mais difícil verificar quem tem o dinheiro. Alguém com uma identidade falsa pode coletar o dinheiro, e os muitos locais onde o dinheiro pode ser pego podem dificultar a rastreamento do destinatário. É por isso que é importante enviar dinheiro apenas para pessoas ou empresas em quem você confia.

Cuidado com fraudes envolvendo transferências bancárias: você envia dinheiro, o ladrão retira dinheiro (ou manda para uma conta diferente, possivelmente no exterior), e você não percebe que você foi enganado até que seja tarde demais para recuperar os fundos. Ladrões só precisam assumir o controle da conta bancária de alguém por alguns dias para obter dinheiro ou enviar o dinheiro para outro lugar.

Cuidados com fraudes de transferência bancária para imóveis: os pagamentos, os custos de fechamento e outros fios para uma empresa de título ou profissional imobiliário são um alvo atraente para hackers. Ao comprar um imóvel, sempre verifique onde o dinheiro deve ser conectado – especialmente se você receber instruções por email. Hackers podem alterar emails (mesmo de pessoas que você trabalha há várias semanas) e instruem você a enviar dinheiro para o local errado. Só faça a transferência também depois de ter um contrato fechado. E evite compartilhar suas informações financeiras com desconhecidos ou emails.

2. Cuidados ao receber fundos

Obter dinheiro via transferência bancária é para a maior parte segura. Os pagamentos são mais certos porque os bancos apenas com fio de fio se o remetente tiver os fundos disponíveis. O que é mais, os provedores de transferência de dinheiro dificultam que o remetente retire o dinheiro depois que foi transferido.

No entanto, algumas transferências (internacionais, por exemplo) podem ser invertidas em certas situações. Os ladrões podem aproveitar a confusão do cliente, prometendo enviar uma transferência de dinheiro, mas realmente enviando dinheiro usando um método diferente (reversível). A venda apenas para compradores confiáveis ​​pode ajudá-lo a evitar esse cenário.

Outros serviços de transferência de dinheiro

As empresas como a Western Union operam de forma independente – você pode trazer dinheiro para uma transferência em pessoa e o destinatário sairá com dinheiro. As transferências podem levar minutos para até cinco dias úteis. O destinatário é identificado por meio de informações pessoais como seu nome e endereço. TransferWise é outro exemplo de empresa de transferência de recursos internacional.

Serviços de transferência (P2P) são tipicamente fáceis e baratos e incluem Venmo, PicPay, entre outros. Cada ferramenta tem diferentes prazos para transferências. Eles também têm diferentes forças e fraquezas, portanto os usuários devem estudar as opções para o serviço individual e descobrir quais funciona melhor para trocas de dinheiro, reembolsos e outras transferências.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas!

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

Dinheiro ou cartão é uma pergunta muito comum nas lojas. A partir desta pergunta e muitas outras, André começou a escrever sobre finanças neste blog. Formado em pedagogia, André é especialista em educação financeira, além de ser consultor financeiro e empresarial. Tem mais de 300 horas de cursos em finanças, empreendedorismo, e orçamento. Há vários anos compartilha seu conhecimento através deste site.

Aviso legal

O conteúdo apresentado no site é apenas informativo com o objetivo de ensinar sobre o funcionamento do mundo financeiro e apresentar ao leitor informações que o ensine a pensar sobre dinheiro. O site Dinheiro ou Cartão não faz recomendações de investimentos e em nenhuma hipótese pode ser responsabilizado por qualquer tipo de resultado financeiro devido a práticas realizadas por seus leitores.

Deixe um comentário